terça-feira, 15 de novembro de 2011


Eu não me importo se você quer uma aventura, ou um amor pra vida inteira, passar uma noite ao seu lado era tudo o que realmente queria. Não importa se vamos ser apenas amigos ou mais, futuramente, te dar um beijo era tudo o que eu realmente queria. Queria poder te abraçar e dizer que és meu. Queria poder acordar e olhar para o lado, e ali você estar. Queria poder te ver quando bem entendesse. E quando você ficasse doente, eu queria estar ao teu lado, cuidando de você, como nunca ninguém cuidou. Queria você nos meus fins de semana, e nos fins dos meus dias. Queria poder ser sua, e não ser por apenas um dia, mas por durante a minha vida inteira, inteirinha. Queria poder ouvir tua voz quando tudo saísse de seu autocontrole. Tomar suas dores, e chorar no seu lugar, eu faria isso, verdadeiramente faria. Eu realmente queria que você falasse pros teus amigos "não posso, vou à casa da minha namorada, passar a noite com ela”, quando eles te convidassem para jogar bola. Eu sinceramente queria somente você ao meu lado, como grandes namorados, sem separação, nem que por um dia. Queria poder apagar seu passado, e suas memórias dele, e então fazer com que você pensasse em mim e somente em mim. Queria tirar sua solidão e preencher essa falta. Queria te proteger quando todos ficarem contra você. Queria fazer mais carinhos em tua mão, e pega-la assim, como quem não quer nada. Queria ver mais sorrisos seus, e saber que o motivos deles sou eu. Queria te dar o devido valor que você merece. Queria ser sua inspiração, nos textos, ao acordar, ao levantar, aos pensamentos, as palavras. Assistir uma vitória sua, era o que eu mais queria fazer. Queria realizar meu sonho, e queria que você estivesse lá, me aplaudindo. Queria ligar o foda-se e ser feliz ao teu lado. Queria te dar beijos e abraços, toda manhã logo ao acordar. Queria ver-te dormindo também. E queria ser pra você tudo que um dia você sonhou em alguém, e fazer tudo isso pelo simples fato de te ter ao meu lado. Talvez se você estivesse aqui comigo, as coisas não seriam tão difíceis como são, para mim. Tudo que um dia eu sonhei, teria a certeza que você pudesse realizá-los, se te tivesse ao meu lado. O sentimento é de perda, é perda mesmo, pois perdi você, perdi seus sentimentos, teu amor, teus sorrisos... Perdi tudo que um dia você pode sentir por mim. Eu era feliz, sim, eu confesso, era feliz antes de você aparecer. Mas talvez não por que eu sabia de toda a verdade, e das pessoas verdadeiras, mas sim, me contentava com as falsas, coisas falsas. E hoje em dia eu tenho a certeza que tu me faz ver as verdadeiras coisas, e o verdadeiro valor do amor. Eu simplesmente poderia largar tudo por ti, eu queria, mas não tenho a certeza que seria o melhor a fazer. Não sei se valeria a pena arriscar tudo por este sentimento, um sentimento que guardo aqui dentro, pois não sei se você daria valor a todo ele, e a cada texto que escrevo... Mas o primeiro abraço que tu me deu poderia ser marcado em nosso histórico da vida, assim como muitos que estão por vir, e disto eu sei, eu sinto. Amo cada gesto seu, amo quando tu sorri, e quando tu me empurra com carinho então? É simplesmente inesquecível, o jeito que se importa e se preocupa comigo. Quando estou do teu lado, é como se ninguém mais existisse ali para mim, e quando se afasta de mim, é como se tudo voltasse a sua originalidade, preto e branco. Eu aceitaria cada mania sua, e cada defeito também. Nunca, jamais, quebraria seu coração, como um dia quebrei, e ainda não sei se está aos pedaços, mas saiba que eu faria de tudo para poder reconstruí-lo, sem medo, sem receios. E então você estaria pronto para amar novamente, ou até mesmo me amar. As coisas andaram tão confusas, e eu sei que os teus sentimentos ainda te confundem às vezes. Sei que uma hora o que mais quer na vida é estar ao meu lado, como também sei que por vezes tens vontade de me matar de tanta raiva... Erro, e como erro contigo, mas como tu és forte em relação a isso também, pois não tem medo de me receber de volta. E quando tu abraças outro alguém, eu tenho vontade de te enforcar, é parece cruel, mas é a verdade. Talvez eu nunca fale isso pessoalmente, não tudo isso, ou talvez eu fale quando estiver ao teu lado, na cama, deitada em um dos seus braços. É eu sei que vai passar, vai mudar, e eu sei que vai doer demais, mas eu creio que as coisas não irão permanecer as mesmas. Há muito tempo eu aprendi que os sentimentos mudam depois de alguém ter quebrado seu coração. Eu gosto de ficar contigo, e eu sinto que o meu riso é tão feliz contigo. E todo mundo acha que felicidade é estar com quem ama, e se não for tudo isso? E se for dar valor a quem merece e a quem se gosta?... E te dizer que sem você não tenho paz, que me sirva de lição, pois se você estivesse aqui tristeza, nunca mais haveria no meu calendário da vida. Procuro alguém que não precise de mais ninguém além de mim, e você não está pronto pra isso. Porque quando eu estou ao teu lado, nenhuma palavra basta, a não ser o 'amor', a não ser a 'felicidade', o 'companheirismo', os sorrisos... Será que você nunca viu, tão perto e nunca percebeu, um clima entre você e eu? Tão fácil de você notar, eu nunca tentei esconder tudo que eu sinto por você. Não sei se você vai lembrar, eu fiz você morrer de rir quando chorava por alguém, aquilo que eu nunca falei, as coisas que guardei em mim, o medo de perder você. A solução pra esse meu coração, é ter você aqui. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário